Maior orgulho da minha vida...

Aquele sobre minha cesárea…

Quando fui pra desne-cesárea agendada para ter minha filha Juliana apenas pela conveniência do médico, já que naquele dia ele era o plantonista auxiliar, foi pelo SUS.

O Dr. Idiota de plantão lavando as mãos e conversando com meu médico:

– E lá iá hein? Só me manda esses Presente de Troia. Paciente magra, fácil e particular você não me encaminha né?

Meu médico só deu uma risadinha.

Eu, amarrada, com soros, anestesiada, ergui o dedo e chamei: – Dr. o presente é de grego.

Ele olhou em volta e ficou procurando quem tinha falado.

Chamei de novo: – Eu que estou falando com o sr.

Ele se virou assustado e ficou me ouvindo: – Quem deu um presente que não foi legal, foi a Grécia. Portanto o Presente é de grego, não de troia!

Meu médico dessa vez deu uma sonora gargalhada e ele ficou me olhando como se eu fosse uma aberração!

Porque eu estava amarrada, mas não surda e não sou obrigada!

E ele era um médico, mas idiota nível hard.

E naquela época ainda não se falava sobre Violência Obstétrica…

Histórias Relacionadas

5 comentários sobre “Aquele sobre minha cesárea…

  1. Sinto muito por vcs duas! E fico feliz porque tiveram forças para estar na praça panfletando sobre violência obstétrica e participando dessa luta pelos direitos que temos de sermos tratadas como presente sim, mas presentes de amor! Pq uma mulher que confiava em sua capacidade de parir só se entrega a uma cesárea quando acredita que está fazendo o melhor pelo bebê. <3 Que bom que nós 3 juntas já mudamos a história de algumas mães e bebês… gostaria de pensar que isso aí nunca mais vai se repetir.

Deixe uma resposta para Andreia Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>